dojo dando lucro

TEXTO PUBLICADO ORIGINALMENTE EM https://pintokaratedojo.com/2018/07/25/seu-dojo-esta-dando-lucro/

Nota do autor: neste texto abordaremos o assunto de gestão de maneira simplificada. Para se aprofundar, sugiro que procure um SEBRAE ou uma consultoria especializada!

Muitas vezes nós vemos ex-atletas aventurarem-se no sonho de empreender e criar a sua própria academia de lutas, viver daquilo que se gosta e pratica é o desejo de muitos.

No entanto, abrir um local requer mais do que a habilidade nos tatame. Embora você possa manter um ambiente mais pessoal ou “legal”, para que seu CT se sustente, você precisa administrar como uma empresa. Ou seja, se não der dinheiro, você não consegue manter o negócio.

É interessante notar que muitas vezes esse pensamento corporativista é rejeitado por professores, claro que existem projetos sociais e dojo que são feitos para manter o legado, como no caso do Kendo onde o lucro pessoal não é o objetivo final.

No entanto, todo empreendimento possui custos, uns mais outros menos tais como : luz, locação, materiais, taxas, impostos, etc.

Uma frase bem frequente em qualquer círculo de empresários é: “abriu a porta, começam os custos”.

E para manter as portas abertas você precisa ter faturamento, que pode ou não vir com lucro. E é esse nosso ponto…

Faturamento X Lucro

Vamos pegar como exemplo duas academias de lutas. Academia (A) tem no seu balanço anual um faturamento de R$ 100.000,00, e a academia (B), um pouco menor, descobre que no final do exercício faturou 80.000,00. No imaginário popular, a academia A é a “melhor”. Concordam?


Continue a ler no original do site Pinto Karate Dojo!